RESPEITO NO TRÂNSITO É VIDA - ENVIADO PELO PROFESSOR BENEDITO - TEXTO 06

dia domingo, 29 de novembro de 2015

O trânsito brasileiro ainda tem muito pra melhorar. É o grande vilão de mortes e mata mais do que qualquer conflito armado no mundo. Os números assustam de verdade. Como conviver com essa triste realidade. Educação no trânsito é um item pouco valorizado pelos motoristas brasileiros.

O trânsito não deveria matar tanto. Os motoristas deveriam dirigir melhor, já que os mesmos passam por instruções durante o processo de aquisição da Carteira de motorista. Como dirigir tão mal se os mesmos passam por todo esse processo. A imprudência e a irresponsabilidade são os grandes motivos dos graves acidentes que vitimam ou invalidam milhares de pessoas em todo o país.

A irresponsabilidade de muitos motoristas se comprova mediante o uso de álcool. Dirigir quando está alcoolizado causa enormes prejuízos para si e para os outros. Jamais vai dar certo a combinação direção e álcool. A impunidade em certos casos facilitada por nossas leis é o que conduz a muitos a prática desse triste delito. 

O bom motorista é aquele que preserva a vida. Leva a sério tudo que aprendeu em uma auto escola. Não usa álcool quando dirige e age defensivamente para evitar acidentes. Aproveita a oportunidade para que a garantia da vida seja uma realidade presente nas ruas das cidades. Dificilmente é multado, porque dirige dentro dos padrões de velocidade exigida para cada via. 

As leis do Brasil tinham que ser mais rígidas. Se pra todo motorista irresponsável tivesse a penalidade de perda definitivamente da carteira de habilitação, alguém pensaria duas vezes antes de cometer uma infração de trânsito ou causar acidentes que venham a tirar a vida de pessoas inocentes. As multas não resolvem muito o problema. Não vejo nenhum valor capaz de restabelecer a vida perdida.

Ser responsável no Transito é um dever de todos. Deixar a convivência agradável faz parte da iniciativa de entender que a vida dos outros deve ser mantida a todo custo. É desumano alguém irresponsavelmente tirar a chance de alguém viver. É deixar o trânsito assassino e amedrontar as pessoas que necessita de viver a vida. Os acidentes deveriam ser raros, porque falha mecânica dificilmente causa acidentes. Custa muito caro aos governos a assistência às vítimas. 

O trânsito pode ser muito melhor. Cada um de nós temos nossa parcela de culpa. É necessário que todos tenham um respeito mútuo. Os mais frágeis são agredidos todos os dias no trânsito. Quando cada pessoa entender que é necessário ter uma convivência harmoniosa é que se vai ter um trânsito mais humano e as estatísticas tristes serão drasticamente reduzidas. Faça do trânsito a chance de preservar vidas e que essas vidas sejam sempre multiplicadores de paz e harmonia entre todos. É possível ter um mundo melhor, só depende de cada um de nós.

Comentários
0 Comentários

0 comentários: