DENÚNCIA NA RPC

dia quinta-feira, 26 de maio de 2011
::denúncia
No programa de Orlando Peres, na rádio RPC, no final da manhã de hoje, foi feita uma denúncia sobre a poluição sonora nos finais de semana em nossa cidade.

De acordo com a denúncia, no sábado, em frente a casa de shows Portal do Sol, existe uma disputa entre paredões de som que os moradores não suportam mais. Pedem as autoridades que tomem as devidas providências.

Comentários
4 Comentários

4 comentários:

Em Upanema já deveria existir uma lei regulamentada e sansionada que trate da zuada. Principalmente proibir anúncios em frente à escolas e postos de saúde e, também, estabelecer horários de propaganda (depois da 8:00 às 11:00 e depois das 14:00 até às 18:00). Fácil, eficaz e economicamente viável.

Só ouvir aquelas músicas que tocam perto do portal no final de semana já é desagradável (forró, predominantemente), imagine ouvi-las num volume alto numa disputa de paredões, é uma verdadeira tortura. Parabéns para quem fez a denúncia. Mas só que há uma coisa, quem fez a denúncia tem o direito de fazê-la? Tem. Por quê? Porque a liberdade do outro vai até onde não viola a do seu próximo, nesse caso, ouvir música num volume muito alto, violando o direito de outras pessoas de ter o mínimo de silêncio, para estudar, descansar etc. A pergunta que eu faço é seguinte: essa pessoa, ou qualquer outra, teria o direito de fazer essa denúncia no período de carnaval? Pois se temos uma época do ano que as pessoas sofrem mais com poluição sonora, esse é o carnaval. Se não temos, significa que durante todo ano há o direito de não sofrer com esse tipo violação, mas no carnaval perdemos esse direito. (Ora, ninguém tem o direito de agredir fisicamente outra pessoa, por exemplo, mas, segundo essa lógica, poderíamos ter um período no ano em que as pessoas poderiam fazer isso.) Mas se a resposta for sim, por que então é violado no carnaval? Será que se alguém denunciasse que o trio elétrico não está deixando o cidadão upanemense dormir, o trabalhador, o idoso, o doente, ou a dona de casa, por exemplo, será que providências seriam tomadas? O fato é que as autoridades têm ciência desse desrespeito, e, pior, a maioria das pessoas que se incomodam esse tipo de coisa já se acostumaram isso.

http://jjonasffilho.blogspot.com/2011/05/denuncia-na-rpc.html

parabéns que que fez a denuncia, só que na minha opinião deveria de sido feita também...http://policiaambientalmossoro.blogspot.com/2011/05/policiais-do-3-pelotao-sao-convidados.html aqui eles resolvem!

Se estou bem informado, as "disputas" de paredões que se falaram aqui ocorrem pelo fim da tarde, início da noite, e, à altura de abrir a casa de shows e discoteca Portal do Sol, o "Barulho" já diminuiu.

Lembrando que a mesma casa de shows abre às 22:00 h, segundo a lei do silêncio, os paredões não estou contra a lei. E outra, usando o princípio da ponderação, veja bem, aquele local, por cultura e costume da POPULAÇÃO de Upanema, é onde há a reunião de grupos que se divertem com suas músicas, sejam elas quais forem.

Eles estão amparados pela lei até às 22:00 h. Depois dessa hora, eu me calo com as críticas.