Inscrições para o ENEM encerram nesta sexta-feira (19)

dia sexta-feira, 19 de maio de 2017

O Enem recebeu 4.540.126 inscrições, segundo balanço divulgado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep)

Nesta sexta-feira (19), encerra o prazo para inscrição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O Enem recebeu 4.540.126 inscrições, segundo balanço divulgado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), nesta quarta-feira (17).
Este número é bem menor que o do ano passado e representa praticamente metade (48,9%) do total de inscritos na edição de 2016, quando obteve 9.276.328 cadastros. Neste ano, o Enem não poderá ser usado para obter diploma do ensino médio. O governo federal estima que essa decisão tire ao menos um milhão de participantes da prova.

Para o Diretor do Ensino Superior da Seduc, Ellen Gera, quando o edital foi lançado já era esperado essa redução no número de inscritos no Enem. "O próprio MEC já tinha divulgado que cerca de um milhão de inscritos iam deixar de fazer a prova, tendo em vista algumas dessas decisões. Até o ano passado o estudante poderia obter o diploma do ensino médio, e isso aumentava e muito o número de inscritos. Este ano essas pessoas já deixarão de fazer a prova, então esse número já está fora automaticamente do processo. Outro fator é a taxa que aumentou R$ 14,00 reais, passou de R$ 68,00 para R$ 82,00, para uma prova que é um vestibular, isso afeta muito o número de inscritos?, afirma. Outro ponto também apresentado por Ellen é a isenção dos treineiros. Os alunos de 1º e 2º ano que eram isentos da taxa e faziam média de abstenção de 30% do ano passado. Estamos esperamos que esse número ultrapasse os 5 milhões", afirma o coordenador.

Por outro lado a Secretária de Estado da Educação, Rejane Dias, comemora os dados do Enem no estado e diz que o Projeto Enem da Seduc é uma das prioridades da Educação que tem obtido muito êxito. "Ano passado nós fomos o estado do Brasil com a menor abstenção se comparado a outros estados, isso resultou numa maior quantidade de alunos que realizaram o sonho de ingressar numa universidade", disse a secretária.

Ainda segundo a secretária, os resultados do ano passado apresentaram alunos das escolas públicas aprovados em medicina, engenharia, direito, dentre outros cursos bastante concorridos, onde apenas alunos de instituições privadas conseguiam aprovação.

"Foram mais de 8 mil aprovações e nós queremos, de novo, bater o record no Enem desse ano. Se chegamos ao topo com a menor abstenção do Brasil, não podemos cair de jeito nenhum. Que essa sinergia, que essa motivação possa continuar no sentido de empolgar nossos alunos. Que a gente possa dar a eles todas as condições para que eles estejam preparadíssimos para o Enem de 2017. Este ano a Seduc vai garantir transporte escolar no interior, vai garantir o transporte gratuito aqui na capital, além de criar aplicativos do Pré-Enem Seduc, onde o aluno através do smatphonne acessa o canal educação, caso tenha perdido uma aula e queira assistir novamente. Foi aplicado a redação on-line, onde o estudante pode fazer suas redações através do aplicativo e os professores irão corrigi-las de forma ágil e orientando os alunos. As revisões presenciais em Teresina são um sucesso, tanto que agora estamos indo para o interior no estado", comemora Rejane.

Sobre o Enem 2017
Os candidatos podem acessar o sistema de inscrições até sexta-feira, dia 19 de maio, às 23h59. A taxa subiu para R$ 82 e o boleto precisa ser pago até 24 de maio. As inscrições ocorrem somente no site www.enem.inep.gov.br/participante. Vale ressaltar que elas só são consideradas confirmadas após o pagamento do boleto.
Quem é isento da taxa de inscrição
Em três casos, os candidatos poderão ter isenção na taxa, ou seja, não precisarão pagar para realizar as provas: alunos do terceiro ano do ensino médio em escola pública; candidatos inscritos no CadÚnico e candidatos de famílias de baixa renda.

Sistema de segurança
Neste ano, o sistema do Enem ganhou reforços de segurança para evitar furtos de senha. A partir deste ano, não será mais possível criar uma nova senha direto no próprio site, e o usuário receberá um alerta por e-mail quando sua senha for alterada.

Datas das provas
O Enem 2017 será realizado em dois domingos consecutivos: 5 e 12 de novembro. No ano passado, a prova foi aplicada em um fim de semana (sábado e domingo, 5 e 6 de novembro). A modificação integra uma lista de novidades divulgadas pelo Ministério da Educação (MEC).

No primeiro domingo, as questões serão de linguagens, ciências humanas e redação, com cinco horas e meia de prova; no segundo, de matemática e ciências da natureza, com quatro horas e meia de duração.

Data do resultado
Os resultados do Enem 2017 serão divulgados em 19 de janeiro de 2018. Os candidatos continuarão podendo acessar o resultado por área de conhecimento e o desempenho individual.
Outras novidades em relação a anos anteriores
Além das mudanças nas regras de isenção e na distribuição das provas, o Enem 2017 traz outras características diferentes em relação ao ano passado:
·     Cadernos de prova serão personalizados, com nome e número de inscrição na capa e cartão de respostas;
·     Não serão divulgados dados do Enem por escola;
·    Isentos do pagamento da inscrição que não comparecem perdem direito ao benefício no ano seguinte se a ausência não for justificada;
·    Enem não valerá como certificado do ensino médio;
·    Solicitação de tempo adicional para atendimento especial deve ser solicitada na inscrição;
·     MEC diz que estudantes recusaram, em consulta pública, possibilidade de fazer a prova no computador.

Autoria: Marconni Lima

Comentários
0 Comentários

0 comentários: