Políticos se mexem pela pavimentação da BR-110

dia quarta-feira, 19 de setembro de 2007
Taí um exemplo a ser repetido! Nomes da bancada federal do RN, prefeito de Upanema (Jorge Luiz), vereadores do município e mais dois de Mossoró (Izabel Montenegro e Daniel Gomes, ambos do PMDB), abarrotaram o gabinete do ministro dos Transportes, Alfredo Nascimento, agora à tarde.Esteve em pauta o encaminhamento de providências, para que seja viabilizada a construção da BR-110, no trecho que corta municípios como Upanema, Mossoró, Campo Grande e Janduís.A obra que havia sido incluída no programa de execução do ministério está sob risco. Falta projeto técnico e licença ambiental, para que os R$ 25 milhões alocados pela bancada federal, via Orçamento Geral da União (OGU), sejam aplicados.O ministro, que é norte-rio-grandense de Martins, mas com carreira política no Amazonas, sintetizou que até 15 de dezembro o Estado terá que aprontar esses projetos. Do contrário, o dinheiro ficará imobilizado.Apesar da gravidade da situação, o ministro Alfredo Nascimento assegurou que ainda há tempo para salvar a obra. Ele orientou os parlamentares a cobrarem do governo do Estado a licença ambiental, assegurando ao prefeito de Upanema Jorge Luiz e aos sete vereadores do município, o seguinte: que se o trâmite legal for cumprido até a primeira quinzena de dezembro, a BR será construída. São 70 km a serem pavimentados.A audiência que havia sido agendada pelo senador Garibaldi Filho (PMDB) contou com a presença dos deputados Fábio Faria, Fátima Bezerra (PT), Sandra Rosado (PSB), João Maia (PR) e Felipe Maia (DEM), além dos senadores José Agripino (DEM) e Rosalba Ciarlini (DEM).Eu era menino e os políticos da região já falavam na obra. Continuam falando. Falta "só" a obra.
Fonte: Blog do Carlos Santos
Comentários
0 Comentários

0 comentários: