Mais da metade dos municípios do RN não têm política cultural

dia quarta-feira, 19 de setembro de 2007
No Rio Grande do Norte dos 167 Municípios, apenas 70 (41,9%) possuíam uma Política Cultural definida de acordo com a pesquisa realizada pelo IBGE sobre o Perfil dos Municípios/Cultura 2006. Foi constatado no estudo divulgado nesta terça-feira (18/09) que 97 Municípios do Estado não incluíram nas suas políticas públicas a questão cultural em 2006.
O total de recursos financeiros arrecadados pelos Municípios do RN no exercício de 2005 foi de R$ 2.337.413.948,60 e o total da despesa realizada na função Cultura foi de R$ 24.282.505,90 ou ( 1,03%). Segundo a Pesquisa de Informações Básicas Municipais – Perfil dos Municípios / Cultura – 2006, a política cultural no Município é um dos principais indicadores para mensurar o interesse da Administração pelo setor cultural.
A Pesquisa Municipal/Cultura/2006 mostra que na maioria dos Municípios do RN, a cultura está atrelada a outras Secretarias Municipais e setores subordinados a outra secretaria, tornado os órgãos “gestores” sem exclusividade em relação a Cultura, podendo, tratá-la em segundo plano. No Rio Grande do Norte apenas seis municípios possuíam em 2006 Secretarias Exclusivas e Fundações Públicas na área de cultura. Além disso, somente 31 Municípios participavam do Sistema Nacional de Cultura e 29 da elaboração do Plano Nacional de Cultura.
A distribuição dos tipos de equipamentos culturais dos Municípios/RN, é a seguinte: Unidades de Ensino Superior (43); vídeo-locadoras (119); Shopping Centers (4); Lojas de disco, cd , fita e dvd (69); Livrarias (16) e; Clube e Associações Recreativas (109).
Principais atividades culturais no RN
Exposições de artesanato, feiras de artes e artesanatos, festivais de manifestação tradicional popular; festivais de música; festival de dança e concursos de dança e música e, esporadicamente, festival de cinema. A pesquisa destaca o “bordado” como atividade artesanal mais presente, bem como os grupos de teatros e bibliotecas como os segmentos culturais que mais recebem “apoio” das prefeituras no contexto geral do país.
A Cultura no RN ocupava em 2006, 842 pessoas, sendo apenas 143 com nível superior e 10 (pós-graduação). Dos 167 Municípios do RN, quatro possuíam Legislação Municipal de fomento à cultura. No que se refere a Legislação Municipal de Proteção ao Patrimônio Cultural, tivemos em 2006 (13 municípios).
Fonte: Diário de Natal on line
Nota do Blog: Upanema certamente está na lista de municípios do RN que não tem uma política pública clara voltada para a cultura. Não temos nem uma biblioteca, que estava no plano de governo do prefeito Jorge Luiz, nem muito menos um museu.
Comentários
2 Comentários

2 comentários:

Muito interessante essa sua preocupação com a falta de uma politica cultural mais aguda no nosso município. Upanema possui grandes valores culturais que não estando tendo o devido incentivo das autoridades governamentais. È preciso se adotar politicas públicas mais afoitas nesse sentido. Parabéns e um abraço.

Muito pertinente sua preocupação com a falta de políticas públicas para o movimento cultural de Upanema, nada obstante Upanema ter grandes valores para tanto. Parabéns e vamod lutar pela adoção através das autoridades constituídas de uma politica cultural mais consistente.